conflitos na relação terapia de casal psicólogo em salvador casal-cama-mulher-triste

Conflitos na Relação:
Terapia de Casal para rever valores e papeis culturais

 Conflitos na Relação. A diferença de comportamento entre os pares em um casamento, se não for compartilhada e compreendida de forma plena, pode causar altos níveis de estresse na relação. Quando essas distorções atingem altos níveis de estresse, a comunicação entre o casal fica extremamente prejudicada, podendo até levar o casal a separação.

Nossa cultura é altamente habilidosa em ditar padrões de comportamento que muitas vezes não refletem ou trazem bons resultados na prática vivencial das relações. Esses padrões culturais vão desde a noção de que homens e mulheres são diferentes na demonstração de sentimentos e emoções (menino não chora, mulheres são frágeis…), até o extremo de considerar que ter uma relação afetiva (leia-se casamento) é um referencial de sucesso na vida de alguém.

Ao que parece, de forma geral, tanto homens quanto mulheres são educados desta maneira e muitos visam a realização desses mitos no casamento.

 

 

conflitos na relação terapia de casal psicólogo em salvador casal-mulher-triste-cama

 

 

As diferenças culturais nos conflitos na relação.

É praticamente impossível falar sobre relacionamento amoroso sem levar em conta essas diferenças culturais como sendo um fator de configuração das personalidades e papéis em uma relação.

Segundo muitos modelos da nossa cultura, a percepção entre homens e mulheres difere em relação ao sexo, à condição financeira, amor, casamento, filhos, carinho, afeto e à intimidade. A maneira como os pares aprendem a interpretar esses aspectos e as diferentes expectativas que ambos têm a respeito do amor dão origem a inúmeros conflitos que levam a desentendimentos na relação.

No convívio diário da relação os parceiros vão percebendo a distância entre o relacionamento idealizado e o que realmente vivenciam. Assim, os valores transmitidos através da cultura, que no geral são modelos de casais ou representação deles (filmes, novelas, livros…) que, geralmente, privilegia a relação perfeita na qual cada um tem seu papel [principalmente emocional] bem definido. Assim, essas repetições, atreladas as reais dificuldades de expressar sentimentos e emoções podem ser os grandes causadores de estresses e conflitos na relação conjugal.

 

 

conflitos na relação terapia de casal psicólogo em salvador casal-mulher-triste-cama

 

 

Esses momentos de estresses e conflitos muitas vezes refletem o encontro com a realidade do casal na relação, por vezes muito distante do que aprenderam em toda a vida. Nesse momento, normalmente, um dos pares já está altamente magoado por que o outro já não é tão carinhoso e presente [emocionalmente] como antes, enquanto o outro acredita que essa falta de carinho ou de presenca emocional esteja sendo suprida por outros atividades, como o trabalho. Para muitas pessoas, esse encontro com o real acarreta tanta frustração que, às vezes, ocorre a busca da realização de novos sonhos traduzidos em aventuras extraconjugais ou a possibilidade de um término para não enfrentar a realidade.

Antes mesmo do casal chegar ao extremo de trair ou terminar a relação ou o casamento, é importante que procurem ter mais conhecimento sobre o que de fato está acontecendo, o que causou efetivamente as dificuldade e, principalmente, as consequências de tais ações.

 

conflitos na relação terapia de casal psicólogo em salvador Elídio Almeida

 

 

Uma terapia individual ou uma terapia de casal pode contribuir significativamente para visualização de comportamentos mais adequados à situação. Ademais, compreender as diferentes percepções também pode ajudar muito.

Eis algumas das principais diferenças, fruto dos valores culturais, que são confrontadas e normalmente  desmistificadas na relação:

  • muitas vezes, a autoestima da esposa está muito relacionada com o fato de doar-se à relação. Ocorre que, por outro lado, ela se questiona se houve uma doação suficiente por parte de si mesma. Assim, tende a se estressar, sofrendo com altos níveis de cobrança e insatisfação, que se potencializam na medida em que o parceiro passa a lhe fazer mais exigências;

 

  • via de regra, ao contrário da mulher, o senso de identidade dos homens está baseado na realização de objetivos econômicos e sociais, mais do que nas realizações pessoais, e dessa forma, doar-se emocionalmente à relação não é prioridade em sua vida. Por outro lado, o sucesso na área profissional exige repressão dos sentimentos e, por isso, os homens tendem a desenvolver um comportamento controlado. Muitas vezes as mulheres interpretam esta atitude como ausência de amor, tornando-se mais vulneráveis aos conflitos;

 

  • há falta de clareza em relação à comunicação entre os cônjuges, pois não conseguindo lidar com a emotividade das parceiras os homens optam por se afastar, na tentativa de lidar à distância com a situação que se tornou muito estressante;

 

  • enquanto as mulheres buscam mudanças, os homens procuram restabelecer o equilíbrio interior, levando suas queixas para o nível das discussões lógicas, gerando inúmeros conflitos quando não há entendimento.

 

conflitos na relação terapia de casal psicólogo em salvador casal-triste-

 

 

Os casais precisam compreender que a maioria dos conflitos ocorrem devido às dificuldades de uma comunicação objetiva e clara entre eles. Frases e palavras omitidas, meias verdades, pontos-de-vista categóricos transformam-se em barreiras que povoam os pensamentos do casal e colaboram para que o relacionamento permaneça sob tensão constante. Por outro lado, os desajustes e as diferenças nas relações podem estar relacionados às expectativas irreais e às exigências exageradas mantidas por cada um acerca do casamento, fazendo com que avaliem a interação de forma extremamente negativa quando estão insatisfeitos.

Não é demais lembrar que uma terapia individual ou uma terapia de casal pode contribuir significativamente para compreensão dos conflitos na relação, enfrentamento e melhores soluções para o casal. Pois,  além das dificuldades do relacionamento conjugal, existem os mitos conjugais, isto é, as crenças errôneas que o casal tende a desenvolver frente ao relacionamento amoroso e que podem desequilibrar a harmonia conjugal. 

 

 

Dr. Elídio Almeida
Psicólogo | CRP 03/6773
(71) 98842-7744 Salvador – Bahia
elidioalmeida.com

Elídio Almeida
elidio@elidioalmeida.com

Psicólogo formado pela Universidade Federal da Bahia – Ufba, especialista em Terapia de Casal & Família, membro da Association for Behavior Analysis International (ABAI). Psicólogo clínico, faz atendimento individual, para casais e famílias. Oferece cursos de desenvolvimento pessoal, palestras, orientação vocacional e avaliação psicológica.

No Comments
  • Terapia de Casal: 24 ilusões que precisam ser desconstruídas para um bom relacionamento |Elídio Almeida | Psicólogo
    Posted at 01:05h, 08 agosto Responder

    […] a origem dos desapontamentos, frustrações e conflitos na relação e sobre a importância de rever valores e papeis culturais que também causam conflitos. Hoje vou falar sobre as  crenças errôneas que o casal tende a desenvolver durante os conflitos […]

  • Terapia de Casal: 24 ilusões que precisam ser desconstruídas para um bom relacionamento |Elídio Almeida | Psicólogo
    Posted at 01:05h, 08 agosto Responder

    […] a origem dos desapontamentos, frustrações e conflitos na relação e sobre a importância de rever valores e papeis culturais que também causam conflitos. Hoje vou falar sobre as  crenças errôneas que o casal tende a desenvolver durante os conflitos […]

  • Terapia de Casal: 24 ilusões que precisam ser desconstruídas para um bom relacionamento |Elídio Almeida | Psicólogo
    Posted at 01:05h, 08 agosto Responder

    […] a origem dos desapontamentos, frustrações e conflitos na relação e sobre a importância de rever valores e papeis culturais que também causam conflitos. Hoje vou falar sobre as  crenças errôneas que o casal tende a desenvolver durante os conflitos […]

  • chwilowki przez internet
    Posted at 01:22h, 12 agosto Responder

    Keep working ,splendid job!

  • chwilowki przez internet
    Posted at 01:22h, 12 agosto Responder

    Keep working ,splendid job!

  • chwilowki przez internet
    Posted at 01:22h, 12 agosto Responder

    Keep working ,splendid job!

  • Elídio Almeida | PsicólogoDor de cabeça como desculpa para não fazer sexo está com os dias contados! -
    Posted at 01:18h, 09 Janeiro Responder

    […] Com tudo isso, é importante destacar que a relação sexual não deve ser vista como um remédio. O sexo na verdade tem outras funções em nossa vida. Também, é importante salientar que uma dor de cabeça pode ter várias causas. Se, por exemplo, a causa da dor de cabeça for estresse, a pessoa pode até relaxar (antes) durante (e depois) do sexo e a dor tende a diminuir. Mas importantíssimo destacar que um médico deverá sempre ser consultado, mas se quiser experimentar o sexo como recurso para combater a dor lembre-se dessa dica: Sexo bom é aquele em que os envolvidos estão com vontade. Fazer sexo sem estar com vontade a dor de cabeça certamente só vai aumentar. Outra dica também importante é que se a dor de cabeça, na verdade, tem sido usada apenas como uma desculpa para evitar o sexo,  está na hora de colocar assertividade nessa relação ou procurar uma terapia de casal. […]

  • Elídio Almeida | PsicólogoDor de cabeça como desculpa para não fazer sexo está com os dias contados! -
    Posted at 01:18h, 09 Janeiro Responder

    […] Com tudo isso, é importante destacar que a relação sexual não deve ser vista como um remédio. O sexo na verdade tem outras funções em nossa vida. Também, é importante salientar que uma dor de cabeça pode ter várias causas. Se, por exemplo, a causa da dor de cabeça for estresse, a pessoa pode até relaxar (antes) durante (e depois) do sexo e a dor tende a diminuir. Mas importantíssimo destacar que um médico deverá sempre ser consultado, mas se quiser experimentar o sexo como recurso para combater a dor lembre-se dessa dica: Sexo bom é aquele em que os envolvidos estão com vontade. Fazer sexo sem estar com vontade a dor de cabeça certamente só vai aumentar. Outra dica também importante é que se a dor de cabeça, na verdade, tem sido usada apenas como uma desculpa para evitar o sexo,  está na hora de colocar assertividade nessa relação ou procurar uma terapia de casal. […]

  • Elídio Almeida | PsicólogoDor de cabeça como desculpa para não fazer sexo está com os dias contados! -
    Posted at 01:18h, 09 Janeiro Responder

    […] Com tudo isso, é importante destacar que a relação sexual não deve ser vista como um remédio. O sexo na verdade tem outras funções em nossa vida. Também, é importante salientar que uma dor de cabeça pode ter várias causas. Se, por exemplo, a causa da dor de cabeça for estresse, a pessoa pode até relaxar (antes) durante (e depois) do sexo e a dor tende a diminuir. Mas importantíssimo destacar que um médico deverá sempre ser consultado, mas se quiser experimentar o sexo como recurso para combater a dor lembre-se dessa dica: Sexo bom é aquele em que os envolvidos estão com vontade. Fazer sexo sem estar com vontade a dor de cabeça certamente só vai aumentar. Outra dica também importante é que se a dor de cabeça, na verdade, tem sido usada apenas como uma desculpa para evitar o sexo,  está na hora de colocar assertividade nessa relação ou procurar uma terapia de casal. […]

Deixe uma resposta